segunda-feira, 13 de dezembro de 2010

Tu não procures - não é lícito saber - qual sorte a mim qual a ti

nos tenham dado, não investigues.

Quão melhor é viver aquilo que será,

sejam muitos os invernos que te atribuiram,

ou seja o último este, que contra a rocha extenua

o Terreno: sê sábia, filtra o vinho e encurta a esperança,

pois a vida é breve. Enquanto falamos, terá fugido

ávido o tempo: Colhe o instante, sem confiar no amanhã.
Image du Blog perolascraps.centerblog.net

3 comentários:

Yohana d'Arc disse...

Adoro esta filosofia, se é que posso chamar assim...rs

Denilze disse...

Oi, tudo bem? Fiquei feliz com sua visita dias atrás e espero que volte mais vezes. Hoje, venho oferecer meu award de natal. Ele está na coluna das postagens. Aproveito pra desejar uma linda e abençoada semana. Beijos. (http://fofurinhas.blog.uol.com.br)

Anita disse...

A melhor mensagem de Natal é aquela que sai em silêncio dos nossos corações e aquece com ternura os corações daqueles que nos acompanham na nossa caminhada pela vida.

Obrigada pela visita.
Beijinhos doces.
Um dia abençoado.
Fica bem. Fica com Deus.
Anita 8amor fraternal)